sexta-feira, 13 de julho de 2018

Palpitar

Sinto o coração! Que bom... Sinto o coração.
Pobres de quem não sentem o coração e, procuram nos outros o palpitar daquilo que não conseguem sentir...

Imagem relacionada

sexta-feira, 22 de junho de 2018

O regresso!




 Resultado de imagem para pensamento

Depois de 5 anos de pausa, pausa esta com tantas mudanças, alterações, criações e algumas complicações, estou de volta.
Agora mais calma, com o pensamento a fervilhar, com vontade de partilhar novas experiências, novas apostas.
Estou de volta, quero escrever...

segunda-feira, 30 de setembro de 2013

quarta-feira, 19 de setembro de 2012

segunda-feira, 19 de dezembro de 2011

"Uma mão amiga... Um Natal feliz..."












Haverá melhor prenda de natal do que uma mão amiga, disposta a dar sem pensar em receber?


Mais uma vez a Biblioteca Municipal de Alpiarça, recebeu de braços abertos as prendas que as crianças quiseram deixar na árvore de natal da "Mão amiga" e, em troca receberam histórias de natal contadas com amor por mim e pelas minhas colegas Paula Leocádio e Vera Cavaca.


Agora sabemos, que pelo menos este natal as crianças mais necessitadas do nosso concelho terão um natal mais aconchegante!









sábado, 23 de abril de 2011

23 de Abril - Dia Mundial do Livro







Nas estantes os livros ficam
(até se dispersarem ou desfazerem)
enquanto tudo
passa. O pó acumula-se
e depois de limpo
torna a acumular-se
no cimo das lombadas.
Quando a cidade está suja
(obras, carros, poeiras)
o pó é mais negro e por vezes
espesso. Os livros ficam,
valem mais que tudo,
mas apesar do amor
(amor das coisas mudas
que sussurram)
e do cuidado doméstico
fica sempre, em baixo,
do lado oposto à lombada,
uma pequena marca negra
do pó nas páginas.
A marca faz parte dos livros.
Estão marcados. Nós também.

Pedro Mexia, in "Duplo Império"