quinta-feira, 22 de novembro de 2007

Sem ti


A viola toca…
Toca, suave e lenta
Como se esperasse algo…
E eu aqui estou,
Sem ti.

Procuro não pensar,
Mas o meu coração sente…
Tento procurar-te
Erguendo o olhar sobre
O horizonte, e nada,
Tu não estás.
Mas será que virás?

A viola toca,
Agora mais expressiva
Como se procurasse algo.
E eu, ao som da viola
E com o olhar fixo a um copo
Ouço,
Choro,
E espero…
Um dia vou encontrar-te!

Sem comentários: