terça-feira, 30 de junho de 2009

Alberto Caeiro


E há poetas que são artistas
E trabalham nos seus versos
Como um carpinteiro nas tábuas!..

Que triste não saber florir!
Ter de pôr verso sobre verso, como quem constrói um muro
E ver se está bem, e tirar se não está!..
Quando a única casa artística é a terra toda
Que varia e está sempre bem e é sempre a mesma.


Alberto Caeiro, Poemas

1 comentário:

anad disse...

Bom fim de semana cheio de sol e felicidade.
Anad